sexta-feira, 24 de junho de 2016

É impossível, mas Deus pode!


Josué 10:12-14
12 No dia em que o Senhor entregou os amorreus aos israelitas, Josué exclamou ao Senhor, na presença de Israel:
“Sol, pare sobre Gibeom!
E você, ó lua, sobre o vale de Aijalom!” 13 (...)  O sol parou no meio do céu e por quase um dia inteiro não se pôs. 14 Nunca antes nem depois houve um dia como aquele, quando o Senhor atendeu a um homem. Sem dúvida o Senhor lutava por Israel!

"É" e "Mas", são duas palavrinhas muito poderosas. A primeira define a essência de algo, a segunda, entre outras coisas, contraria essa essência.

Vejam: É impossível, mas Deus pode. Se é essencialmente impossível fazer algo, como pode então ser feito?

Aprendemos com Josué que o impossível não vale para Deus! Essa situação que você está passando é impossível sim, para você e para mim, mas não para Deus.

Josué estava diante de uma necessidade "impossível": ter mais tempo de claridade para guerrear, quando o horário do sol se por já estava chegando.

Você já imaginou coisa mais impossível de se querer?

Porém fica claro que Josué sabia separar muito bem o natural do sobrenatural, o humano do espiritual e o poder do homem do poder de Deus.

Para Josué era muito óbvia essa expressão: É IMPOSSÍVEL, MAS DEUS PODE!

Você pode ter muitos "impossíveis" em sua vida, muitas situações que você pensa: "ninguém pode". Nessa hora você deve dizer para você mesmo, "sei que é impossível, MAS creio que o meu Deus PODE!"

Que a sensibilidade e simplicidade de Josué se tornem suas também hoje! 

BOM DIA!